Ansiedade, será?

Ansiedade, será?

Tudo o que eu quero é respirar sem medo. Sem ter essa essa ansiedade, essa dor no peito de esperar que as coisas aconteçam, e sem saber o que essas coisas são.

Não posso dizer que o que sinto é uma crise de ansiedade, afinal não fui diagnosticado, não fui a um especialista. Mas segundo o Google, tudo indica que sim.

De repente durante o dia, me pego esperando algo, e penso: “o que está acontecendo?” e percebo como todas as reações em meu corpo. É uma vontade de que algo aconteça, uma vontade de fazer algo, uma vontade de sair do lugar, junto com uma preguiça e a vontade de não fazer nada.

Sara Groblechner on Unsplash

No auge de tudo isso, uma dor no peito, uma grande dor no peito, e a incapacidade de saber o porquê ela se originou.

Hoje, depois de um exame no coração, sei que não vou morrer de problemas cardíacos, e o que me resta é respirar lentamente e mudar a frequência dos pensamentos.

Alguém mais se sente assim?

Imagem de capa: Stormseeker on Unsplash

Vamos conversar?

Vamos conversar?

Hoje em dia é tão difícil conversar. Estou falando sobre conversas reais, aquelas, onde um fala e o outro escuta. O que temos na atual “modernidade” é uma grande disputa de falas.

Um exemplo cotidiano:

-Comprei o celular “VB12″ da marca “X”, e estou tão feliz com ele.

-Sério que está feliz com esse aparelho? Comprei o “Plus XKM” para a minha filha, só tenho a dizer que ele é muito melhor que esse que você comprou. Tira foto até embaixo d’água.

-Nossa, isso é ótimo. Mas, estou realmente feliz com o aparelho que comprei, e foi também o que cabia no orçamento. Afinal, estamos juntando uma grana, vamos para para Maceió no final do ano.

-Maceió? Fui pra lá no ano passado. Aliás, já visitei todo o Nordeste. Este ano quero ir pela segunda vez à Austrália. Os Estados Unidos pra mim já está sem graça. E falando realmente, acho que Maceió nem é um passeio tão emocionante. Já pensou em outros destinos?

Já aconteceu esse tipo de conversa com você? Pra ser sincero, tenho me policiado e tentado ao máximo, deixar com que as pessoas falem, sem dar exemplo de coisas que já fiz. É difícil, mas às vezes, as pessoas só querem falar.

Ah… eu fui para Maceió!

E aquelas conversas, em que uma das partes praticamente não permite que a outra termine uma única frase sem ser interrompida? Sempre dando exemplos “melhores”, ou querendo dominar o assunto?

-Estou com uma dor no braço

-O meu faz uma semana que dói sem parar!

-Sério? Temos que nós cuidar. Mas mudando de assunto, ontem fiz um bolo de cenoura com cobertura de chocolate…

-Também fiz um essa semana (interrompendo a outra pessoa), ficou ótimo. Sou muito bom na cozinha.

Também tem aquela pessoa que se acha mais inteligente que todas as outras da mesa, e começa suas falas com palavras difíceis, assuntos rebuscados, e assim sentem-se superiores.

Parece sempre uma grande competição, ninguém se escuta mais. A única finalidade é falar, e a sua fala deve ser melhor que a do outro. E isso nem sempre é interessante.

Como disse acima, tenho tentado ter melhores conversas com todos, sem interromper, sem comparar o que o outro diz com algo que fiz, tentando me envolver na conversa, prestando atenção e respondendo no momento certo.

Todos querem falar, poucos querem ouvir. Quero mudar de lado, e, acho que já falei demais por hoje.

O que você tem para me dizer? Vamos conversar?

Imagem: Daria Shevtsova on Unsplash

O que é a Alma?

O que é a alma?

“Se há um corpo animal, também há um espiritual.” (I Cor 15, 44)

Você já se perguntou o que é a alma?

Pra falar a verdade eu nunca pensei muito neste assunto, e quando pensava, me unia aos muitos outros que com certeza, pensam da mesma forma: alma, alma penada, espírito, assombração, e tantas outras denominações, são as mesmas coisas.

No último ano, iniciei uma jornada por conhecimento espiritual, novas formas de pensar, novos estudos. Abrindo a mente para assuntos que nunca, um dia, pensei em fazer. E resolvi, por meio deste blog, compartilhar alguns desses novos aprendizados. E se você quiser, ou se interessar, vamos juntos.

Voltando ao assunto.

Um exemplo bem simples: com certeza, você já assistiu a um filme de terror (coisa que eu não recomendo… rs), e neste, para um dos personagens aparece uma pessoa morta. Certo?

Então, aquele ser que aparece para a pessoa, não é a alma, e sim o espírito.

Mas qual é a diferença?

A alma não tem forma, ela é imperceptível, assim como um pensamento. É o princípio inteligente, é o centro de força, de consciência e de personalidade. Ela que pensa, sente e quer.

Para que a alma tenha uma forma, é necessário que esteja revestida, esse revestimento é chamado de perispírito (falaremos sobre este assunto em um outro post.). Portanto: alma + perispírito = espírito. Entendeu?

Fácil né?

Resumindo:

  • Alma é diferente de espírito;
  • Ela não tem forma;
  • É o princípio inteligente.

Dica de leitura:

Perispírito de Zalmino Zimmermann

Imagem: Photo by Karim MANJRA on Unsplash

Obrigado insônia!

Insônia

Se dormir é para os fracos, deveria agora estar super disposto e cheio de energia, e não com essa cara de zumbi.

Às vezes passam tantas coisas em minha cabeça que eu nem sei mais em que estou pensando, e isso reflete totalmente em meu corpo.

Primeiro iniciou com uma minúscula falta de ar, e em seguida a perda do sono. Assisti TV, tomei um chá calmante, fiz minha orações, li algumas páginas do livro atual, e então cobri o corpo e virei de lado.

Nada disso adiantou.

Sou daqueles que raramente consegue dormir durante o dia, então meu destino será esperar a próxima noite com a esperança que ela seja melhor que a anterior.

Pelo menos uma coisa boa aconteceu: escrevi. Algo que não faço há tempos.

Obrigado insônia.

Imagem: Joshua Newton on Unsplash

O que você fez?

O que você fez?

Você já pensou em desistir de algo ou de algum projeto iniciado em sua vida? Mas antes disso você colocou na mesa tudo o que ele representou para você, e o que pôde fazer na vida das pessoas?

Muitas vezes pensamos que o caminho está “deveras” complicado, que não temos mais forças, que não somos valorizados, ou que não temos mais esse tempo para perder.

Então, qual o melhor caminho?

Desistir. Será?

Procure saber se o que você fez mudou algo na vida de pelo menos uma pessoa. Se sim, com certeza neste momento você perceberá o quanto isso te transformará. É sério.

Continue, desculpe os obstáculos, abrace o sacrifício, e desconheça as pedradas, não dê trela aos pensamentos negativos.

E quem sabe, algumas alterações podem te dar um novo ânimo.

Vá em frente.

Imagem: Freepik

Viciados em Mídias Sociais.

redes_sociais
Minha amiga Keila (Nova blogueira. Confira!) escreveu em seu blog um artigo que saiu no Guia do Estudante sobre as redes sociais, no texto consta que de acordo com o Ibope, o Brasil é campeão mundial no uso de redes sociais (mais de 85% dos internautas brasileiros acessam).

E isso nos leva a um questionamento: “Mas de que forma isso pode afetar negativamente seus estudos ou te ajudar?”

No site também há um quiz onde você pode analisar qual seu “grau” de vício dentro da rede. Eu fiz o teste e o meu resultado foi que uso as redes com moderação.
“Você parece entender bem as novidades digitais que surgem nas redes sociais e sabe usar com bastante equilíbrio a internet para se distrair quando os estudos terminam. Continue nesse caminho para aproveitar as facilidades da web e não se distanciar do desafio que tem pela frente: vestibular com concentração e dedicação.”
Quer saber se você é um viciado? Então clique aqui e faça o teste.

E procurando um pouco mais sobre o assunto na net, me deparei com esse vídeo publicitário no YouTube da nova série Vaio W de netbooks da Sony. O vídeo gira em torno da A. V. M. S. que é a Associação dos Viciados em Mídia Social. Uma espécie de Alcoólicos Anônimos para as pessoas que são viciadas em Orkut, Twitter, Blogs, Flickr e afins.

Veja:

Sou patriota, Brasil meu país!

bandeira
Na última terça-feira (15/06) o Brasil entrou em campo, e junto milhares de técnicos se sentaram na frente da TV pra assistir, torcer, e dar os seus pitacos no jogo.

O povo gritava a cada lance. Frio na barriga, ansiedade, desespero, esse é o povo brasileiro, que ama seu país, mesmo com todas as dificuldades, desigualdades, descasos. É um povo que sempre acredita que um dia tudo vai melhorar.

Nessa hora, esse povo quer demonstrar que é realmente brasileiro, e não como uns e outros dizem por ai: “Brasileiro só e patriota de quatro em quatro anos.” Infelizmente temos algumas coisas que não nos orgulhamos. Não temos uma educação digna, não temos saúde para todos, moradia, e etc.. Mas somos um país de pessoas guerreiras, um país que sonha. Afinal, foi neste país que conseguimos o que temos, que formamos nosso caráter, conquistamos amigos e muitos mais. É neste país que rimos, choramos, sofremos e nos aliviamos. É aqui que temos a nossa vida.

E por isso eu digo: – Eu te amo Brasil! E quem não gosta? Existe um mundo inteiro esperando por você.
A copa do mundo está ai, e o Brasil está nela, e se for essa uma das formas de expressar meu patriotismo, é assim que será.

Patriotismo é o sentimento de amor e devoção à pátria, aos seus símbolos (bandeira, hino, brasão). Através de atitudes de devoção para com a sua pátria, pode-se identificar um patriota. (…) ser patriota implica em fazer algo de bom pelo seu país, ou nação.

Há diferentes tipos de patriotismo, e diferentes pessoas que são patriotas, diferentes maneiras de mostrar como são devotos ao seu lugar de origem:

Patriotismo nos desportos: há grande parte da população que tem orgulho de sua pátria quando ela está representada por atletas em competição;

Patriotismo na Cultura: cantores, compositores e poetas, que são famosos no mundo inteiro, espalham o encanto do país em que vivem. E não negam suas raízes;

Patriotismo na Guerra: pessoas que se oferecem ou são rigorosamente selecionadas para defenderem seu país em uma guerra.

“Isso aqui, é um pouquinho de Brasil,
Deste Brasil que canta e é feliz…”

(Ary Barroso)

Alice no País das Maravilhas!

alice
Vou iniciar este texto não falando do filme, mas dos acontecimentos que ocorreram até o momento em que o filme foi projetado na tela. Chegamos na rede UCI de cinema do Shopping Anália Franco as 22h40 para comprar o ingresso para o filme com sessão às 00h00, haviam umas 10 pessoas aguardando na bilheteria,

 mas os atendentes conseguiram demorar cerca de 30 minutos para atender essas pessoas, compramos nosso ingressos e fomos procurar algo para comer, dessa vez o erro foi nosso, pois pelo horário, não encontramos nenhum restaurante da praça de alimentação aberto, a não ser o McDonalds, mas quando o atendente viu que estávamos nos aproximando do caixa, veio em nossa direção, colocou uma faixa na frente, olhou para a nossa cara  e disse: “Moço, tá fechado!”

Voltamos para o cinema, e sem mais nem menos parecia que todas as pessoas do mundo optaram em assistir o filme, uma enorme fila havia se formado, e como a fila estava enorme, resolvemos comprar a pipoca e o refrigerante antes, depois de algum tempo esperando para sermos atendidos, e quando faltava somente três pessoas para fazer o pedido, a atendente simplesmente começou a ignorar as pessoas e foi fazer outras coisas, todos começaram a reclamar, e eu perguntei o que havia acontecido, então, ela informou que a maquina registradora estava travada, e que era pra gente (todas as pessoas da fila) pegar a fila no outro caixa. Imagina a confusão que isso gerou. Algumas pessoas saíram da fila (inclusive eu), outras bateram boca. De repente a gerente chega e com apena um toque, faz a maquina voltar a funcionar. Voltamos e conversamos com a gerente daquele caixa, e ela fez com que a atendente (que não gostou muito da ideia) anotasse nosso pedido primeiro, o bom foi que as outras pessoas da fila não reclamaram.
De volta a fila do cinema, 00h00, 00h10, 00h15 e nada de abrirem as portas da sala, finalmente as 00h25 as portas foram abertas e enfim poderíamos assistir Alice, com os óculos 3D nas mão, só encontramos lugares na terceira fileira, perto, muito perto, mas valeu a pena, Tim Burton é fenomenal e a atuação de Johnny Depp foi fantástica e eu recomendo.
Não foi uma “Maravilha” assistir o filme no UCI Anália Franco, foi uma história de filas e atendentes e neste “País” as pessoas ainda têm muito o que aprender em relação a atendimento. Pra quem gosta de fila, fica a dica.

TIM, viver sem fronteiras?

logo_tim

Estou novamente com problemas com a operadora TIM. Uma vez por ano eles oferecem um desconto/oferta  em aparelhos, para que os clientes e eu sou um desses clientes.

Em abril de 2009 chegou na minha casa um Sony Ericsson K850, depois de quase dois meses de negociações, mas valeu a pena, paguei um preço muito bom pelo aparelho que é excelente. Neste ano estou querendo um Smartphone, pode ser o Samsung Omnia Pro, ou o LG [email protected] GW550, e ontem em conversa com a atendente ela me ofereceu o aparelho da LG por 12 vezes de R$ 14,08, mas como sou muito lerdo, ou atento demais, disse a atendente que iria pensar e retornaria a ligação, e, esse foi o meu problema.
Retornei a ligação uma hora mais tarde, e para a minha supressa, o desconto já não existia mais, e eles queria me oferecer o aparelho por 12 vezes de R$ 55,00, quase o peço do aparelho se comprado pelo Mercado Livre. Estou aqui lutando para que o desconto concedido na primeira ligação seja honrado, e até agora nada.
Uma atendente, em um outro dia, falou que se for necessário, eu posso pedir cópias da gravação das conversas, e hoje quando fiz esse pedido a atendente se assustou e me disse que não era necessário que eu pedisse, que ela iria fazer tudo o que fosse necessário para tentar aumentar meu desconto.
Palavra dita não se pode voltar atrás, e espero que eles pensem como eu.
Tim, viver sem fronteiras?

A Paixão!

paixão

Sei que posso estar atrasado com esse post, mas as últimas semanas foram tão corridas, que me faltou o tempo, e estou aqui agora para compartilhar minha Semana Santa e Páscoa.


Fiquei muito feliz quando me ofereceram a coordenação e direção da peça da paixão, e fiquei mais feliz ainda com o resultado e com o empenho que cada uma das pessoas dispuseram do seu tempo nos ensaios, e fizeram da apresentação uma das melhores apresentadas até hoje.

Algumas fotos:

1 2
3 4

Obrigado a todos!