O que vale mais?

O que vale mais?

Acho incrível quando uma pessoa trata uma outra pessoa como uma “não pessoa”. Não sei se você que está lendo, me entendeu direito.

Sabe, quando alguém se refere a outra, não por ela ser uma pessoa, ou por seu caráter, personalidade, enfim, mas sim, pelos seus traços ou condições? Tipo, “é preto, então não presta, é ladrão” ou então, “é gay, é pedófilo, e safado” ou ainda, “ele é católico, ele é evangélico, melhor não se misturar”.

Sei que esta conversa já está batida, mas também já está ultrapassado esse sentimento. Será que isso é mesmo um sentimento?

E eu vejo isso até mesmo dentro da Igreja Católica, instituição essa em que participo e acredito, e falo isso por conhecimento, algumas pessoas são tratadas como escória do mundo por causa das suas condições, e outras, mesmo com a reputação comprometida (traição, roubo, blasfêmia entre outros.), são louvadas e exaltadas, pois tem um “bom nome”, ou por aquilo que possuem.

Estou falando demais? O que vale?

Escreva um comentário ou deixe uma nota para que eu possa saber a sua opinião à respeito deste texto. Se você gostou, clique no ❤ aí embaixo. Fazendo isso, você ajuda esse post a ser encontrado por mais pessoas.

Siga-me os bons:
TwitterFacebook - LinkedIn - Instagram - Telegram - E-mail

About the Author

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

You may also like these

X